Caracterização do processo de formação de alianças estratégicas

Autores

  • Luciano Mattana UNIFRA
  • Greice de Bem Noro UNIFRA
  • Rolando Juan Soliz Estrada UFSM

DOI:

https://doi.org/10.18568/1980-4865.32181-198

Palavras-chave:

Alianças Estratégicas, Caracterização, Vantagem Competitiva

Resumo

A união entre empresas tem representado um aumento na sua capacidade competitiva. As alianças estratégicas têm-se mostrado como alternativas para a adequação do porte e da estrutura organizacional das empresas ao mercado e à conjuntura econômica mundial. No entanto, pesquisas demonstram que um grande número de empreendimentos dessa natureza fracassam e que boa parte dos problemas iniciam durante a fase que compreende a sua formação. Neste sentido, buscou-se com o estudo caracterizar uma aliança estratégica e o seu processo de formação. A unidade de análise foi a aliança entre as empresas FEMSA e CVI Refrigerantes Ltda. Através do método de estudo de caso, utilizando-se técnica qualitativa na intenção de descrever o caso estudado, foram entrevistados quatro gerentes e um colaborador, todos ligados à aliança. A pesquisa permitiu constatar que a aliança foi estruturada de forma empírica, mas os resultados obtidos com o empreendimento são satisfatórios para as parceiras. Também foi constatado com o entusiasmo e a aprovação interna e dos acionistas foi fator primordial para a saúde da aliança estratégica estudada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciano Mattana, UNIFRA

Possui graduação em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal de Santa Maria (2002) e mestrado em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (2007). Atualmente é professor do Centro Universitário Franciscano e Coordenador do curso de Publicidade e Propaganda. Tem experiência na área de Comunicação de Marketing, atuando principalmente nos seguintes temas: Comunicação Integrada de Marketing, Merchandising e Produção Audiovisual.

Greice de Bem Noro, UNIFRA

Possui graduação em Administração de empresas pela Universidade Federal de Santa Maria (2003) e mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Maria (2006). Atualmente é professora e Coordenadora de Estágio Supervisionado do Curso de Administração do Centro Universitário Franciscano. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Gestão de Projetos, atuando principalmente nos seguintes temas: gestão, estratégia, logística, empresas familiares e administração.

Rolando Juan Soliz Estrada, UFSM

Possui Graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Santa Maria (1977), Graduação em Economia pela Universidade Federal de Santa Maria (1975), Mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Maria (1979), Doutorado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2000) e Pós-Doutorado em Administração pela Universidade de São Paulo - USP (2006). Atualmente é professor titular da Universidade Federal de Santa Maria. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Gestão Estratégica, atuando como docente e consultor de empresas nas seguintes áreas: Visão de Futuro, Planejamento Estratégico Organizacional, Planejamento Estratégico Pessoal, Controle Estratégico, Implementação de Estratégias, Engenharia Econômica e Alternativas de Investimento.

Downloads

Publicado

2009-03-05

Como Citar

Mattana, L., Noro, G. de B., & Estrada, R. J. S. (2009). Caracterização do processo de formação de alianças estratégicas. Internext, 3(2), 181–198. https://doi.org/10.18568/1980-4865.32181-198

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.