Eficiência Financeira, Atores e Interações: Um Estudo do Fluxo de Jogadores entre Clubes e as Equipes Semifinalistas de São Paulo em 2017

Edimilson Eduardo da Silva, Agnaldo Antonio dos Santos, Marco Antônio Pinheiro da Silveira, Paulo Jorge Reis Mourão

Resumo


Objetivo: apresentar os índices de eficiência financeira dos clubes brasileiros, os atores e as interações que se destacaram nos fluxos de jogadores com os clubes semifinalistas de São Paulo em 2017.

Método: na primeira etapa, extraíram-se informações sobre fluxos de jogadores e, na segunda etapa, dados sobre a receita operacional, fornecedores, custo de atletas profissionalizados e atletas não profissionalizados nos clubes do Brasil.

Principais resultados – os escores eficiência financeira forneceram evidências do nível máximo de uso de recursos de atletas profissionalizados e não profissinalizados na geração de receita operacional no Palmeiras e Atlético Mineiro. Em relação aos atores tem-se que os clubes Grêmio Osasco Audax e Cruzeiro Esporte Clube disponibilizaram mais jogadores para os clubes semifinalistas. Nos fluxos de jogadores entre clubes do Brasil e de outros países, destacaram-se as equipes da Itália e de Portugal.

Relevância/originalidade: demonstrar os scores de eficiência máximo dos clubes no uso de recursos na geração de receita operacional, os atores de destaque e as interações nos fluxos de jogadores.

Contribuições metodológicas:uso simultâneo de técnicas paramétricas e não paramétricas como a Regressão Linear Múltipla, a Análise Envoltória de Dados (DEA) e a Análise de Redes sociais (ARS).

Contribuições para a gestão: criação de indicadores de eficiência financeira como ferramentas de apoio à tomada de decisões gerenciais em clubes de futebol.

Palavras-chave


Eficiência Financeira; Análise de Redes Sociais; Fluxo de Jogadores

Texto completo:

PDF

Referências


Banker, R. D., Charnes, A., & Coopers, A. A. (1984). “Some Models for Estimating Technical and Scale Inefficiencies in Data Envelopment Analysis”, Management Science,30, (9), pp.1078-1092.

Barros, C. P., Assaf, A., & Sá-Earp, F. (2009). Brazilian Football Technical Efficiency: A Bootstrap Approuch. School of Economics and Management, 1–16.

Battese, G. E., & Coelli, T. J. (1995). A Model for Technical Inefficiency Effects in a Stochastic Frontier Production Function for Panel Data. Empirical Economics, 20, 325–332.

Booth, R. (2009). For the Student Sports Economics, 42(3).

Carvalho, F. A., Marques, M. C. P., & Carvalho, J. L. F. (2009). Redes interorganizacionais, poder e dependência no futebol brasileiro. Organizações & Sociedade, 16(48), 101–121. Retrieved from http://www.spell.org.br/documentos/ver/419/redes-interorganizacionais--poder-e-dependencia-no-futebol-brasileiro

Estender, A. C. (2014). A Importância da administração profissional para os clubes de futebol. Revista Administração Em Diálogo - RAD, 15(3), 18–32.

Frick, B. (2011). Performance, salaries, and contract length: Empirical evidence from German soccer. International Journal of Sport Finance, 6(2), 87–118.

Gerrard, B. (2005). A Resource-Utilization Model of Organizational Efficiency in Professional Sports Teams. Journal of Sport Management, 19, 143–169.

Hair, J. F., Anderson, R. E., Tatham, R. L., & Black, w. C. (2005). Analise Multivariada de Dados. (J. F. Hair, R. E. Anderson, R. L. Tatham, & w. C. Black, Eds.) (5th ed.). Porto Alegre: Bookman.

Hanneman, R. A, & Riddle, M. (2005). Introduction to Social Network Methods. Riverside, CA: University of California, Riverside. On-Line Textbook, 46(7), 5128–5130. https://doi.org/10.1016/j.socnet.2006.08.002

Hatala, J. P. (2006). Social Network Analysis in Human Resource Development: A New Methodology. Human Resource Development Review, 5(1), 45–71. https://doi.org/10.1177/1534484305284318

Ji, Y., & Lee, C. (2009). Data Envelopment Analysis in Stata, (ii), 1–13. under review by the Stata Journal.

Leoncini, M. P., & Silva, M. T. da. (2005). Entendendo o futebol como um negócio: um estudo exploratório. Gestão & Produção, 12(1), 11–23. https://doi.org/10.1590/S0104-530X2005000100003

Liu, X. F., Liu, Y. L., Lu, X. H., Wang, Q. X., & Wang, T. X. (2016). The anatomy of the global football player transfer network: Club functionalities versus network properties. PLoS ONE, 11(6), 1–14. https://doi.org/10.1371/journal.pone.0156504

Meza, L. A., Neto, L. B., Mello, J. C. C. B. S. de, Gomes, E. G., & Coelho, P. H. G. (2005). FREE SOFTWARE FOR DECISION ANALYSIS. A Software Package for Data Envelopment Models, 207–212. https://doi.org/10.5220/0002548802070212

Mourao, P. (2012). The indebtedness of Portuguese soccer teams--looking for determinants. Journal of Sports Sciences, 30(10), 1025–1035. https://doi.org/10.1080/02640414.2012.695085

Mourao, P. R. (2016). Soccer transfers, team efficiency and the sports cycle in the most valued European soccer leagues – have European soccer teams been efficient in trading players? Applied Economics, 48(56), 5513–5524. https://doi.org/10.1080/00036846.2016.1178851

Peeters, T., & S. Szymanski (2015). Financial Fair Play in European Football. Economic Policy, 29 (78), 343-349. doi:10.1111/ecop.2014.29.issue-78

Penrose, E. T. (1959). The Theory of Growth of the Firm. (E. T. Penrose, Ed.). Blackwell: Oxford. https://doi.org/10.1093/0198289774.003.0002

Pina, T. J., Paulo, A., & Araújo, D. (2017). Network characteristics of successful performance in association football. A study on the UEFA champions league. Frontiers in Psychology, 8(JUL). https://doi.org/10.3389/fpsyg.2017.01173

Pollard, R., & Reep, C. (1997). Measuring the Effectiveness of Playing Strategies at Soccer. Journal of the Royal Statistical Society, 46(4), 541–550.

Prearo, L. C., Gouvêa, M. A., & Romeiro, M. do C. (2012). Avaliação da adequação da aplicação de técnicas multivariadas de dependência em teses e dissertações de algumas instituições de ensino superior. Ensaios FEE, 33(1), 267–296.

Rohde, M., & Breuer, C. (2016). Europe’s Elite Football: Financial Growth, Sporting Success, Transfer Investment, and Private Majority Investors. International Journal of Financial Studies, 4(2), 12. https://doi.org/10.3390/ijfs4020012

Transfermarkt. Mercado de transferências, rumores, valores de Mercado e notícias. Disponível em: http://www.transfermarkt.pt/. Acesso em: 04/03/2018




DOI: http://dx.doi.org/10.18568/internext.v15i1.538

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Revista Eletrônica de Negócios Internacionais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia

INTERNEXT (e-ISSN: 1980-4865)

ESPM | Escola Superior de Propaganda e Marketing 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.


Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP - Cep: 04018-010 - e-mail: internext@espm.br

Indexadores e Diretório: