Desempenho Importador do Segmento de Moda Praia Brasileiro: Uma Proposta de Análise

Cristiano Henrique Antonelli Da Veiga, Ana Elizabeth Moiseichyk, Tônia Magali Moraes Brum, Darcila Brum Da Veiga

Resumo


O vasto litoral brasileiro aliado a uma cultura de seu uso como meio de lazer propiciou ao país o surgimento de inúmeras empresas especializadas na produção e comercialização da moda praia. No entanto, existe um grupo de clientes que buscam produtos importados, mesmo neste segmento. Neste sentido, este estudo teve como objetivo caracterizar a importação brasileira de moda praia feminina, investigando qual é sua importância e participação no contexto internacional, pelos desafios propostos pela competição entre os diversos players e a necessidade de conhecimentos sobre inovação para se manter no mercado importador. Apoiado na análise de conteúdo da documentação temática com dados quantitativos e oficiais coletados no portal Aliceweb do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior do Brasil obteve-se como resultado final do estudo a estruturação de uma tabela com os 20 principais países fornecedores e o comportamento de compra, onde, em 2009, o principal expoente foi a China com 60,9% da quantidade importada com 110.945 peças compradas, valor médio US$ 3,31 FOB, performance de compra em crescimento e tendência de preço variável.

Palavras-chave


Importação, Moda Praia, Brasil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18568/1980-4865.7270-88

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Internext

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia

INTERNEXT (e-ISSN: 1980-4865)

ESPM | Escola Superior de Propaganda e Marketing 

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada.


Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP - Cep: 04018-010 - e-mail: internext@espm.br

Indexadores e Diretório: