Caracterização do processo de formação de alianças estratégicas

Luciano Mattana, Greice de Bem Noro, Rolando Juan Soliz Estrada

Resumo


A união entre empresas tem representado um aumento na sua capacidade competitiva. As alianças estratégicas têm-se mostrado como alternativas para a adequação do porte e da estrutura organizacional das empresas ao mercado e à conjuntura econômica mundial. No entanto, pesquisas demonstram que um grande número de empreendimentos dessa natureza fracassam e que boa parte dos problemas iniciam durante a fase que compreende a sua formação. Neste sentido, buscou-se com o estudo caracterizar uma aliança estratégica e o seu processo de formação. A unidade de análise foi a aliança entre as empresas FEMSA e CVI Refrigerantes Ltda. Através do método de estudo de caso, utilizando-se técnica qualitativa na intenção de descrever o caso estudado, foram entrevistados quatro gerentes e um colaborador, todos ligados à aliança. A pesquisa permitiu constatar que a aliança foi estruturada de forma empírica, mas os resultados obtidos com o empreendimento são satisfatórios para as parceiras. Também foi constatado com o entusiasmo e a aprovação interna e dos acionistas foi fator primordial para a saúde da aliança estratégica estudada.

Palavras-chave


Alianças Estratégicas; Caracterização; Vantagem Competitiva

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18568/1980-4865.32181-198

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Internext

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia

INTERNEXT (e-ISSN: 1980-4865)

ESPM | Escola Superior de Propaganda e Marketing 

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada.


Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP - Cep: 04018-010 - e-mail: internext@espm.br

Indexadores e Diretório: